Spain

River humilha Cruzeiro, que sofre grande gozação na internet. E como perdeu três Libertadores para três argentinos no Mineirão, vai ganhar uma música no Fantástico: «Tres Besos», de Carlos Gardel!

Como a autoestima palmeirense alimenta a má vontade da mídia

Quase finalizada mais uma rodada do Brasileirão, o Palmeiras segue líder isolado. São nove pontos de vantagem sobre o mais recente vice-líder, o Fluminense, que ontem venceu o Flamengo. Aquele que praticamente todos concordavam ser o único ca

Como a autoestima palmeirense alimenta a má vontade da mídia

Quase finalizada mais uma rodada do Brasileirão, o Palmeiras segue líder isolado. São nove pontos de vantagem sobre o mais recente vice-líder, o Fluminense, que ontem venceu o Flamengo. Aquele que praticamente todos concordavam ser o único capaz de ameaçar o título alviverde se vê agora com 12 pontos para buscar.

O problema, cara gente bonita que me lê, é que o time de Abel Ferreira praticamente não perde. Desde a derrota na estreia, para o Ceará, em abril, houve apenas um outro tropeço, contra o Athletico-PR, em 2 de julho.

De lá para cá, enfrentou todos os adversários mais bem colocados no campeonato: Internacional (ganhou), Corinthians (ganhou), Flamengo (empatou), Fluminense (empatou).

Ontem, venceu o clássico contra o Santos atuando, novamente, com dez. Aos 15 minutos do segundo tempo, Danilo foi, novamente, bem expulso. O Palmeiras continuou controlando a partida e, aos 32, depois de passar perto com uma bicicleta, Merentiel fez um golaço para selar mais uma vitória, mais uma semana com folga na liderança. Hoje, o Inter enfrenta o Atlético-GO e pode assumir o segundo lugar, a oito pontos do Alviverde.

E sabem o que se encontra na imprensa, nos grupos de zap, no Twitter? Muita reclamação e pouca empolgação.

Abel e Danilo expulsos outra vez! Cadê a cabeça fria? Esse Tabata não dá. Atuesta nem se fala. Finalmente o Merentiel mostrou a que veio tendo custado uma fortuna. Não sabe contratar. Leila isso e aquilo.

O apoio nunca deve ser acrítico, claro. Mas a torcida palmeirense reclama – com razão – de uma má vontade da mídia, enquanto ela própria não para de cornetar o clube por um segundo.

Além do eterno medo da «parmerada», da hora em que o mundo começará a despencar, da falta de otimismo e excesso de amendoim, há uma baixa autoestima que não ajuda. Sabe aquela história de que quando você projeta autoconfiança, as pessoas também confiam mais em você? É verdade.

Existe uma boa vontade extra com o Flamengo, por exemplo? Sim. Existe também uma confiança quase sem limites por parte de quem apoia a equipe. No dia do confronto direto que poderia ter colocado o Rubro-negro de vez na luta pelo título, brinquei que era capaz de os flamenguistas saírem mais otimistas com seis pontos de desvantagem do que palmeirenses com 12 na frente.

A relação da torcida com a cobertura da imprensa se retroalimenta. É como se ninguém quisesse acreditar que o Palmeiras pudesse ser tão bom assim. Uns porque prefeririam que não fosse e outros porque acham bom demais para ser verdade.

Só que é verdade esse bilete. E quanto antes a torcida abraçar o sucesso, antes o entorno pode se render também. Ou não, mas talvez a torcida esteja curtindo tanto, que se importe bem menos com o que dizem por aí.

Fogão surpreende o Furacão

Fogão surpreende o Furacão

Com dois golaços, de Erison e de Jeffinho, um em cada tempo, o Botafogo derrotou em casa o favoritaço Athletico Paranaense, numa noite em que o Glorioso teve momentos simplesmente brilhantes, principalmente no segundo tempo até fazer o segundo gol.

Futebol é mesmo um jogo surpreendente porque de onde menos se espera você acaba vendo espetáculo agradabilíssimo.

Foi exatamente o caso do jogo desta noite no Nilton Santos, com os meninos botafoguenses brilhando diante do bom time, porém desfalcado, do Furacão, mais preocupado com o Flamengo na Copa do Brasil, nesta próxima quarta-feira.

Foi 2 a 0, poderia ter sido mais, como poderia ter sido menos. Valeu!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

5 novelas para acompanhar na reta final da janela de transferências

A janela de transferências da maior parte das principais ligas nacionais da Europa fecha daqui a dois dias. Os clubes de Espanha, Alemanha e França têm até sexta-feira para reforçarem seus elencos para a temporada 2018/19 –na Itália e na Inglaterra, es

5 novelas para acompanhar na reta final da janela de transferências

Rafael Reis

29/08/2018 04h20

A janela de transferências da maior parte das principais ligas nacionais da Europa fecha daqui a dois dias. Os clubes de Espanha, Alemanha e França têm até sexta-feira para reforçarem seus elencos para a temporada 2018/19 –na Itália e na Inglaterra, esse período já acabou.

Mas, apesar do pouco tempo restante, muita coisa pode acontecer no Mercado da Bola nas próximas horas. Clubes do primeiro escalão do futebol mundial, como Barcelona, Real Madrid e Paris Saint-Germain, ainda correm atrás de novos jogadores.

Apresentamos abaixo cinco histórias da janela de transferências para que você, leitor, acompanhe de perto até sexta-feira. Uma coisa é certa: todas elas terão um desfecho nos próximos dias.

Rafael Reis

O SUBSTITUTO DE CR7A torcida do Real Madrid passou a janela de transferências inteira esperando uma contratação bombástica, um grande nome capaz de substituir Cristiano Ronaldo, que se mandou para a Juventus. Os três maiores rumores (Eden Hazard, Neymar e Kylian Mbappé) esfriaram nas últimas semanas e não devem se concretizar, pelo menos, não nesta temporada. Assim, de acordo com os jornais «As» e «Marca», o reforço ofensivo do atual tricampeão europeu deve ser um jogador bem menos impactante, o atacante dominicano Mariano Díaz, formado no próprio clube e que está atualmente no Lyon.

Rafael Reis

FILIPE LUÍSO brasileiro, que perdeu espaço entre os titulares do Atlético de Madri com a ascensão do francês Lucas Hernández, tem em mãos uma proposta do Paris Saint-Germain. No entanto, o técnico Diego Simeone vem repetindo seguidamente que não gostaria de perder o veterano lateral esquerdo. Filipe Luís participou de apenas um dos três jogos da equipe da capital espanhola na atual temporada, o empate por 1 a 1 com o Valencia.

Rafael Reis

MEIA DO BARCELONAO Barça ainda ataca em duas frentes para reforçar seu meio-campo para a atual temporada. A prioridade é conseguir tirar do Manchester United o francês Paul Pogba, um dos destaques da conquista da Copa do Mundo-2018. Segundo o jornal espanhol «Don Balón», já existe um acerto entre o clube e o jogador. O plano B catalão para o setor também vem da França e tem sido namorado há tempos pelo Barcelona: Adrien Rabiot, do Paris Saint-Germain.

Rafael Reis

O DESTINO DE BOATENGApós sete temporadas no Bayern de Munique, o zagueiro da seleção alemã pode se mudar para o Paris Saint-Germain até o fim desta semana. A negociação já se arrasta há meses, e, segundo o técnico Niko Kovac, terá o desfecho decidido pelo próprio jogador. Para ter Boateng, o PSG ofereceu mandar de volta para a Alemanha o meia Julian Draxler, que perdeu espaço no clube.

Rafael Reis

O QUE SERÁ DE GANSO?O futuro do meio-campista continua indefinido. Ganso não foi relacionado nem para o banco de reservas em sete dos oitos jogos do Sevilla neste início de temporada e dificilmente terá muitas oportunidades com o técnico Pablo Machín. A decisão mais óbvia seria um empréstimo. Mas essa situação já se repete há um bom tempo, e o brasileiro continua encostado no elenco espanhol.

Mais de Cidadãos do Mundo

–Atacante da Copa-2014 trocou uma Miss Nigéria por outra. Verdade ou lenda urbana?–Balcão de Negócios: 190 jogadores mudaram de clube após Copa-2018–Aos 30, Zizao vira «faz-tudo» na China e curte fase artilheira–Ingressos esgotados e recorde no mercado: Como CR7 revitalizou o Italiano

River humilha Cruzeiro, que sofre grande gozação na internet. E como perdeu três Libertadores para três argentinos no Mineirão, vai ganhar uma música no Fantástico: «Tres Besos», de Carlos Gardel!

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.

Milton Neves

28/05/2015 12h35

14

horriver

1

3

4

5

6

7

8

9

10

11

13

Opine!

Alicia Klein
Como a autoestima palmeirense alimenta a má vontade da mídia

Publicaciones relacionadas

Botón volver arriba